Autora argentina que vem à Bienal traz romance policial que tem dona de casa como protagonista

tuaUma das convidadas da Bienal do Livro Rio, que este ano homenageia a Argentina, é a escritora, dramaturga e roteirista de TV Claudia Piñeiro, uma das principais vozes da literatura latino-americana contemporânea. Ela é a terceira autora argentina em número de direitos vendidos no mundo, atrás apenas de Jorge Luis Borges e Julio Cortázar. Este ano, a Verus Editora lançou Tua (Verus Editora), romance policial de 2006 que vendeu 50 mil exemplares em língua espanhola. A trama gira em torno de Inês, dona de casa de classe média, que descobre uma traição do marido, mas se mostra disposta a tudo para manter o casamento. O livro foi adaptado para os cinemas. Na Bienal, que começa no dia 3 de setembro, Claudia Piñeiro participa de três debates no estande de seu país, “A câmara clara: literatura e cinema”, no dia 9, às 17h30, “As pátrias de chuteiras: literatura e futebol”, no dia 11, às 15h, e “América Latina: identidade na diversidade”, no mesmo dia, às 17h.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s