Destaque infantojuvenil

capa (1)O Pequeno Príncipe em cordel (Carpe Diem) é uma versão bem brasileira do clássico de Saint-Exupéry, aproveitando a linguagem nordestina que é uma beleza literária. A adaptação é do cordelista Josué Limeira e as ilustrações são de Vladimir Barros. A ideia surgiu após Limeira perceber que havia uma necessidade de trazê-lo para perto da nossa realidade e linguagem. “É um livro que está espalhado pelo mundo inteiro, traduzido para todas as línguas estrangeiras, mas faltava a nordestina, que é representada pelo nosso cordel”, diz. O livro conta com ilustrações regionalizadas e boa parte dos personagens remete à cultura nordestina, a exemplo do protagonista, que vem na figura de um vaqueiro, o rei, que se tornou o rei do maracatu, e o vaidoso, que aparece como a figura do Homem da Meia Noite. A obra é escrita em sextilha e contém 27 capítulos. Josué Limeira é autor do blog Cordéis do Amor e trabalha com a produção de cordéis personalizados. O livro será lançado nesta quarta-feira, às 19h, no Hall do Paço Alfândega (Travessa do Amorim, 75 – Recife). Os contadores de histórias Adélia Oliveira e Guga Bezerra vão recitar trechos da obra acompanhados de música ao vivo. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s