Sumiço de estátua é o ponto de partida de nova série investigativa para jovens leitores

image006O sumiço de uma grande estátua de bronze, que enfeitava a praça do condomínio, é o pretexto para a aprendiz de detetive Cecília iniciar uma investigação com seus amigos. E é também investindo na curiosidade em solucionar um enigma que o escritor Luis Eduardo Matta busca estimular novos leitores, em Detetive Cecília e a águia de bronze (Editora do Brasil), nova série de aventuras. “Como leitor adolescente de séries, não foi à toa que me tornei um escritor de séries para adolescentes”, diz o autor, que publicou seu primeiro livro com 18 anos. Com ilustrações de Fábio Sgroi, o livro começa quando a grande águia de bronze desaparece do chafariz da praça do condomínio e a protagonista resolve então solucionar o caso com seus amigos. Construído numa antiga fazenda, o condomínio possui a Casa Velha, antiga sede da propriedade, onde os personagens fazem incursões e descobrem o mistério que envolve o sumiço da estátua. Com personagens de diferentes idades e grupos sociais diversos, a narrativa abraça temas como ética, cidadania, sociabilidade, amizade e justiça.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s