Série apresenta novos nomes da cena literária portuguesa

9788556620804_frontcover1-8c5f0dcef6040315ed15024501379056-640-0A série Lusofonia, da Editora Jaguatirica, busca apresentar aos leitores brasileiros autores de língua portuguesa contemporâneos ainda não publicados por aqui. E começa logo com cinco lançamentos, com novos nomes da cena literária portuguesa. O romance Gnaisse, de Luís Carmelo, publicado em Lisboa pela Abysmo, que traz um professor apaixonado por uma aluna, é o primeiro de uma trilogia sobre o amor. Auto-retratos, também publicado pela Abysmo, traz poemas numerados em sequência de Paulo José Miranda, autor que também transita por outros gêneros literários. O amor e o tempo, publicado em Portugal pela Mosaico de Palavras, traz três contos do escritor e tradutor Albano Chaves.

9788556620828_frontcover1-5dbcdb9f3732205cc315016340656407-640-0Dois livros são inéditos, ambos de poesia: o volume Famosas últimas palavras, de Luís Filipe Cristóvão, o mais jovem dos autores da série; e Corvos cobras chacais, de António Carlos Cortez, versos em prosa que se assemelham a minicontos. As obras contaram com o apoio da Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, do Governo de Portugal. O lançamento coincide com a comemoração do quinto aniversário da Jaguatirica e com o ano de fundação da Gato-Bravo, homóloga da editora em Portugal. A série Lusofonia terá outros lançamentos em 2018, entre eles o premiado Tragédia de Fidel Castro, de João Cerqueira, publicado em seis países.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s