Salão do Livro para Crianças e Jovens abre amanhã para o público em geral

image004Abre amanhã para o público o 19º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens. O evento, que começou hoje exclusivamente para professores, está mais enxuto pela falta de patrocínios, mas quem for ao Centro de Convenções SulAmérica/Salão Nobre (Av. Paulo de Frontin, 01 – Cidade Nova – Centro – Rio de Janeiro) vai poder conferir uma série de lançamentos bacanas e bate-papos com escritores e ilustradores que têm como principal objetivo estimular a formação de leitores. Fabrício Valério, autor de A menina que parou o trânsito (V&R), conversa com o público nesta quinta-feira, às 11h. Com ilustrações de Bruna de Assis Brasil, o livro propõe uma pausa no ritmo frenético da cidade grande, fazendo uma reflexão sobre a questão da mobilidade urbana e do empoderamento infantil. O livro marca a estreia de Valério, que é o editor responsável pela publicação de Diário de um Banana no Brasil. Destaque também para a escritora e ilustradora Rosinha, que está lançando O mar de Cecília (Editora do Brasil), que integra a coleção Poíesis. Ela conversa com os pequenos leitores nesta sexta-feira, às 9h. Na quarta-feira, às 14h, a escritora Patrícia Barboza fala sobre seu novo livro A consultora teen. (Verus), que tem como protagonista uma jovem que acaba de se mudar com a família para outra cidade e resolve criar um canal de comunicação com outros adolescentes. Confira a programação completa do Salão FNLIJ em https://salaofnlij.wordpress.com/programacao/. O evento vai até o dia 28, de segunda a sexta-feira das 8h30 às 17h, e sábado e domingo das 10h às 18h, com ingressos a R$ 12.

Anúncios

Passeio histórico gratuito faz homenagem a Machado de Assis

Machado_Tiago pbMachado de Assis será homenageado neste sábado no passeio histórico gratuito comandado pelo professor Milton Teixeira ao Cemitério da Penitência (Rua Monsenhor Manoel Gomes 307 – Caju), um dos mais antigos do Rio de Janeiro, construído em 1875. O Bruxo do Cosme Velho será interpretado pelo ator Tiago Azevedo (foto), que vai falar sobre a construção da cidade maravilhosa usando trechos de livros como Dom Casmurro e Memórias Póstumas de Brás Cubas. A cidade do Rio de Janeiro é a grande estrela da obra de Machado, sua musa inspiradora, onde o escritor passou toda a sua vida. Estão sepultadas no Cemitério da Penitência personagens ilustres da história do Rio, como o Comendador Francisco Ferreira das Neves, que dá nome ao tradicional Largo das Neves, em Santa Teresa; o Barão de Vista Alegre, Manoel Pereira de Souza Barros, que herdou fazendas de café do pai e participou ativamente da vida política do Império; e Cândido Borges Monteiro, mais conhecido pelo título de Visconde de Itaúna, conselheiro do Imperador D. Pedro II e médico da Família Imperial. Para participar do passeio turístico, não há necessidade de inscrição prévia, basta chegar ao local 15 minutos antes do início do tour, marcado para começar às 14h. Telefone para informações: (21) 2580-4479.

CEMITÉRIO DA PENITÊNCIA - IMAGEM ALTA 07.JPG

Mauricio de Sousa abre convenção nacional de livrarias

resumo 2[1]O cartunista e escritor Mauricio de Sousa fará a abertura da 27ª Convenção de Nacional de Livrarias, que será realizada nos dias 29 e 30 de agosto, no Sheraton Hotel (Av. Niemeyer, 121 – Leblon – Rio de Janeiro), às vésperas da Bienal do Livro. O evento da Associação Nacional de Livrarias tem como tema “O livreiro: de leitor a gestor”, e Mauricio de Sousa vai falar sobre “Quando o trabalho é também paixão”. Além de contar histórias, já no final dos anos 1950 ele pesquisou toda a cadeia de produção e distribuição de HQs, numa época em que acreditava-se que tirinhas brasileiras não se firmariam. A convenção trará, também, temas como economia brasileira, mercado editorial do livreiro, o momento histórico das livrarias brasileiras, formação e capacitação de livreiros, escritores e leitores e ações de marketing e negócios, e terá sua tradicional Rodada de Negócios.

Peça infantil inspirada em clássico de Cervantes faz curta temporada no Rio

DSC_4650

O espetáculo infantil Meu avô, Dom Quixote, da Companhia de Teatro Itinerante Corpus in Scena, faz curta temporada no Teatro Glaucio Gil (Praça Cardeal Arcoverde, s/n – Copacabana – Rio de Janeiro) a partir deste sábado. Livremente inspirado no clássico Dom Quixote de La Mancha, do espanhol Miguel Cervantes, a montagem, com direção e texto de Vivaldo Franco, é encenada por bonecos e os atores Adilson Lopes, Lorenzo Prucoli, Marina Peterson e Rennan Magalhães. A peça conta a história de Dinha, uma menina de 12 anos, que recebe a visita inesperada de seu avô no meio da noite, um velho ator aposentado que vive em um asilo para idosos. Na verdade, o avô vem se despedir de sua única neta e presenteá-la com seu livro predileto: Dom Quixote De La Mancha. A partir daí os dois começam a dar vida à obra e embarcam juntos nas mais incríveis e inimagináveis aventuras do Cavaleiro Andante e seu fiel escudeiro Sancho Pança, misturadas ao delírio e as lembranças de outros personagens que habitam a mente do velho ator. A peça pode ser conferida aos sábados e domingos, às 17h, até o dia 2 de julho. Ingressos a R$ 30.

Sesc Ginástico recebe encontros literários

 

Francisco Gregório_Credito Tania MachadoO Sesc Ginástico (Av. Graça Aranha, 187 – Centro – Rio de Janeiro) recebe este mês quatro encontros gratuitos sobre literatura nacional, com autores de diferentes estilos, para compartilhar com o público informações sobre suas trajetórias pessoais e artísticas, seus processos criativos e impressões sobre o cenário literário nacional, entre outros assuntos. Quem abre a série Encontros Literários – Sesc Trajetórias é o escritor, ensaísta, poeta e professor Silviano Santiago, na próxima terça-feira. O vencedor de três prêmios Jabuti conversa com o poeta e professor Ítalo Moriconi, principalmente sobre seus recentes lançamentos, Machado e Genealogia de ferocidade. No dia 7, é a vez da poeta, atriz e cantora Elisa Lucinda, fundadora da Casa-Poema, escola carioca que se dedica ao ensino da poesia falada. Em conversa com o poeta Ricardo Aleixo, ela abordará seu amor pela poesia e a multiplicidade de seu ofício. O escritor e professor Francisco Gregório (foto) é o destaque do dia 13. Além de autor, é reconhecido por sua dedicação ao estimulo à leitura e também pelas famosas oficinas de formação de contadores de histórias. Quem divide o palco com ele é a poeta Suzana Vargas, fundadora da Estação das Letras. No dia 14, o poeta, escritor e produtor cultural Guilherme Zarvos encerra a série conversando com outro poeta, Sergio Cohn, editor da Azougue. Doutor em Letras pela PUC-RJ, Zarvos, que acaba de completar 60 anos, falará sobre sua trajetória artística, em especial o trabalho realizado no CEP 20.000 – movimento carioca dedicado à poesia experimental –, fundado por ele, Chacal e outros. A programação começa sempre às 19h.

Foto: Divulgação/ Tania Machado

Rio sedia na semana que vem festival colaborativo com cidade francesa

18739789_1190776297701214_3474182478038944852_nComeça na segunda-feira o Palavras e Maravilhas, evento que tem como objetivo estimular a compreensão intercultural no universo das letras e das artes, que inclui  um ciclo de debates, sarau de poesia e apresentações de vários gêneros artísticos. O objetivo é provocar o encontro e estimular o compartilhamento de ideias com o público em geral, e os jovens em particular, para sensibilizá-los em relação à história das migrações e da conquista das Américas, num esforço conjunto de despertar a juventude para melhor entender nossa diversidade. O tema de 2017 aborda a relação com a cidade através das artes e do esporte: Ecos Urbanos – Arquitetura Artes e Cidadania. A referência é a cidade francesa de Marselha, sede da ONG Les Apprentis de l’Esperance, e capital europeia dos esportes em 2017. O evento começa no dia 29 às 13h com uma mostra de cinema na Maison de France, no Centro do Rio, e termina no dia 3 de junho, com uma grande programação no Centro Cultural Laurinda Santos Lobo, em Santa Teresa.
Confira tudo o que vai rolar nesta semana na página do evento no facebook, o link é no https://www.facebook.com/events/119251695299866/?acontext=%7B%22ref%22%3A%224%22%2C%22feed_story_type%22%3A%22308%22%2C%22action_history%22%3A%22null%22%7D

Feira de Ribeirão Preto tem debates com autores premiados com o Jabuti

b1bc65_31e5435fa4d84d0aa3fa748563e7ea93-mv2Autores premiados com o Jabuti vão participar de debates no Salão de Ideias da 17ª edição Feira do Livro de Ribeirão Preto, que será realizada de 4 a 11 de junho. A Sessão Jabuti terá seis mesas, promovidas pela Câmara Brasileira do Livro. Confira a programação:
Marina Colasanti – 4 de junho às 10h30
Dermeval Saviani com mediação de Marcus Vinícius da Cunha – 5 de junho às 10h30
Michel Laub – 7 de junho às 10h30
Lira Neto – 8 de junho às 10h30
Nancy Assad – 9 de junho às 10h
Paula Gicovate – 10 de junho às 10h

A programação completa da feira pode ser acessada em http://www.fundacaodolivroeleiturarp.com/