O comportamento humano em versos, ficção e autoajuda

Captura de Tela 2017-12-06 às 13.06.27A Giostri Editora lança logo mais, às 19h, na Livraria da Travessa da Barra, no BarraShopping, três obras de autoria de Ninah Arethe: o romance Entre teias e ventanias, os poemas de Fragmentos da vida e do tempo e as impressões e dicas sobre relacionamentos de Conviver e crescer – Refletindo sobre a vida a Dois. Especialista no comportamento humano, neste último ela fala de empatia e solidariedade para ajudar a solucionar os problemas da vida em comum. O romance tem como protagonista uma personagem que faz uma interlocução com o real, com o imaginário, o oculto e o sobrenatural para refletir sobre o universo feminino. Já o volume de poesia aborda a questão da contemporaneidade e o efeito de despedaçamento no amor e suas diversas nuances.

Anúncios

Vencedores do prêmio Sesc se reúnem para três sessões de autógrafos

image003A Record está lançando os dois livros vencedores do prêmio Sesc de Literatura de 2017: o romance Última hora, de José Almeida Júnior, e o livro de contos O abridor de latas, de João Meirelles Filho. Título do jornal comandado por Samuel Wainer, Última hora conta a história de um jornalista militante do Partido Comunista que acaba indo trabalhar no veículo que apoia Getúlio Vargas. Para abordar o dilema do protagonista, Almeida reconstrói os últimos meses do presidente no governo, antes do suicídio, e a briga entre Wainer e seu principal concorrente, Carlos Lacerda, dono da Tribuna da Imprensa. Natural de Mossoró, RN, José Almeida Júnior mora em Brasília, onde é defensor público.

image004O abridor de latas reúne oito histórias ambientadas na Amazônia Oriental, no Pará, no Maranhão e em Belém. Autor de livros de não-ficção sobre a floresta amazônica, nos contos Meirelles explora a Amazônia, o Cerrado, a Caatinga e o Pantanal por meio do linguajar caboclo, pelos saberes e fazeres locais e pelo contraste entre o urbano e o rural. Nascido em São Paulo, João Meirelles Filho trabalha há 20 anos no Instituto Peabiru, ONG que atua na área dos direitos sociais e ambientais. Os dois livros serão lançados nesta terça-feira no Sesc 24 de maio, em São Paulo. No dia 5 de dezembro, é a vez do Sesc Presidente Dutra, em Brasília. No dia 7, a sessão de autógrafos será em Belém, no Sesc Boulevard.

Francis Hime esmiúça seus clássicos da MPB

unnamedNesta quinta-feira, Francis Hime lança na Livraria da Vila (Alameda Lorena 1.731 – São Paulo), às 19h, Trocando em miúdos as minhas canções (Terceiro Nome), em que descreve e comenta seu processo de criação, examinando várias circunstâncias e influências presentes na elaboração de suas obras. Com quase 60 parceiros, alguns do quilate de Vinicius de Moraes, Chico Buarque e Paulo César Pinheiro, Francis esmiúça em dez capítulos curiosidades sobre sua atuação profissional e sua formação pessoal, e relembra a criação de grandes clássicos da música popular brasileira, como Vai passar, Atrás da porta Trocando em miúdos, e algumas trilhas de cinema. A análise e citação de suas composições, bem como de compositores que o influenciaram, vem acompanhada de uma gravação que pode ser ouvida por meio de 352 QR-Codes distribuídos ao longo do livro, nos quais Francis analisa o caminho que possivelmente seguiu ao compor determinada canção. Cerca de 150 canções foram gravadas em estúdio no formato piano e voz pelo próprio Francis, especialmente para o livro, e outra parte são fonogramas que já existiam, com amigos que fizeram questão de participar desta celebração.

Nova série de literatura fantástica

ebookcover_35O Império de Yxor é o cenário de Lobo e gelo (Chiado), primeiro volume da série O Legado da Ruína, que será lançado logo mais, às 19h, na Livraria da Travessa de Ipanema (Rua Visconde de Pirajá, 572 – Rio de Janeiro). A história criada pelo médico William Tannure, fascinado pela cultura nerd, mostra a união entre um herói e a herdeira do maior dos rebeldes, que gera três príncipes de personalidade e objetivo diferentes: Regnar, o mais velho e herdeiro do trono, luta contra as vontades de seu pai para tentar seguir seu caminho; Arcaedas, um feiticeiro talentoso e arrogante, assolado por uma enfermidade que o privou do sentido da visão; e Syric, um jovem confuso, com o presente e o futuro envoltos em dúvidas e mistérios. Cada um deles parte em busca de sua jornada pessoal, motivada por ambições e vontades particulares.

 

 

 

Coleção de novelas ganha mais dois títulos

Captura de Tela 2017-06-05 às 16.57.26A editora Grua lança mais dois títulos da coleção A arte da novela. O horlá, do francês Guy de Maupassant, traz um burguês que mora perto de Rouen, com vista para o Sena, narrando estranhos acontecimentos na forma de um diário. A edição apresenta pela primeira vez juntas em português as três versões da história: a versão final de 1887, que abre o volume, o texto de mesmo nome publicado um ano antes e o conto “Carta de um louco”, de 1885, evidenciando o longo caminho de criação que o escritor percorreu. Tradução de Sergio Flaksman. O outro lançamento é Na ilha de Falesá, do escocês Robert Louis Stevenson, tradução de Bernardo Ajzenberg, em que o aventureiro britânico Wiltshire conta a história que viveu na ilha para onde se mudou ao ser designado a ocupar um posto da empresa em que trabalhava. Originalmente censurado por sua editora britânica, o texto de Stevenson é ao mesmo tempo uma novela de ação e aventura e uma crítica mordaz ao colonialismo e ao imperialismo, trazendo à luz alguns temas sensíveis do século XIX: miscigenação, imperialismo e exploração econômica. Cada livro da coleção custa R$ 21,50. A editora tem uma promoção em seu site com os 20 títulos a R$ 345. Também é possível comprar 15 livros por R$ 260. Confira em http://www.grualivros.com.br/catalogo/a-arte-da-novela

Martinho da Vila lança livro novo e abre série de debates sobre questões raciais

foto Martinho_LeoAversa-3.jpgO cantor, compositor e escritor Martinho da Vila, membro da Academia Carioca de Letras e autor de livros como Os lusófonosÓpera negra e Kizombas, andanças e festanças, lança na próxima segunda-feira na Livraria da Travessa do Leblon (Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – loja 205 A) seu 15º título, Conversas cariocas, (Malê), antologia de crônicas publicadas na imprensa ao longo de quatro anos. Fixando seu olhar a partir da Cidade Maravilhosa, Martinho observa as relações humanas e as mudanças políticas, econômicas, sociais e culturais ocorridas no Brasil, em textos sobre vivências nas ruas do Rio, nas quadras das escolas de samba, em suas viagens pelo mundo e em seu refúgio em Duas Barras, cidade no interior do estado.

Capa Conversas CariocasO lançamento abre a série Encontros Malê na Travessa, que continua até quinta-feira, sempre às 19h. Os debates sobre questões raciais com escritores negros marcam o mês da abolição da escravatura no Brasil. O convidado de terça-feira, na Livraria da Travessa de Botafogo, é o jornalista, sociólogo, tradutor, professor e pesquisador da comunicação Muniz Sodré. Na quarta, é a vez da escritora e poeta Conceição Evaristo. O papo será na Biblioteca do Centro Cultural Banco do Brasil. A série termina com o ator e jornalista Ernesto Xavier, também na Travessa de Botafogo. Ele lança Senti na pele, projeto iniciado nas redes sociais, com depoimentos de vítimas do racismo.

Foto: Divulgação/ Leo Aversa

Romance discute relacionamentos femininos e questões de gênero com cultura pop

17776867_1645216435495068_1631965928_oA escritora e jornalista paulistana Cristina Judar lança seu primeiro romance, Oito do sete (Reformatório), com referências da cultura pop e do indie rock e reflexões sobre as mulheres contemporâneas e seus relacionamentos, sobre as pessoas LGBTs e as questões de gênero, sobre fé e estética, assim como sobre a cultura do consumo e a passagem do tempo. Marcado pela data 08/07, é estruturado em quatro partes/ personagens – as amantes Magda e Gloria, o anjo Serafim e a cidade de Roma – e traz um trabalho de linguagem que constitui uma das marcas da do trabalho da autora desde Roteiros para uma vida curta, livro de contos lançado há dois anos, que foi Menção Honrosa no Prêmio SESC de Literatura 2014. A sessão de autógrafos será nesta terça-feira, das 19h às 22h30, no UP Cozinha Bar (Rua Antonio Carlos, 395-A, esquina com a Rua Augusta -São Paulo).